Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mochila Vermelha

Qua | 11.04.18

Macau

Olá Mochileiros e Mochileiras!

 

Hoje trago-vos um relato de terras do oriente. Sempre tive uma enorme vontade e curiosidade de conhecer Macau. É verdade, ainda sou do tempo em que Macau pertencia a Portugal. E como tal, esse facto sempre me provocou um grande fascínio! Sempre imaginei como seria essa mistura da cultura portuguesa com a cantonesa. E realmente não desiludiu, foi de facto um dos locais que mais gostei de visitar na viagem à China. Tenho cá para mim, que todos os portugueses deviam pelo menos tentar fazer esta visita!

 

100_1128.JPG

 

É muito interessante visitar o Museu de Macau e ficar a conhecer como foi que tudo aconteceu e também perceber como era a vida neste território que pertenceu a Portugal durante tantos anos.

 

Apesar de a presença portuguesa ter ocorrido por volta de 1513, apenas em 1557 os portugueses foram autorizados pelas autoridades chinesas a se estabelecerem no local. Foi assim que se iniciou uma povoação no Sul da Península de Macau. Acredita-se que as Portas do Cerco tenham sido construídas em 1573 para separar Macau da China. Também nesta altura, Portugal pagava uma renda à China pela ocupação daquele território. Nesta data, julga-se que se iniciou a construção da Igreja Madre de Deus. Apenas ficou concluída em 1602. No entanto, a imponente fachada, que é hoje a imagem de marca de Macau, só foi concluída em 1640 (construída em anexo ao Colégio de São Paulo).

 

100_1130.JPG

 

100_1134.JPG

 

Em 1835, um violento incêndio destruiu a igreja e colégio de São Paulo. Desse incêndio apenas se salvou a fachada do edifício.

 

A partir de 1850 iniciou-se o processo de legalização do jogo. Em 1887 foi assinado o "Tratado de Amizade e Comércio Sino-Português", que reconhecia e legitimizava a ocupação perpétua de Macau pelos portugueses. Em 1906 começaram a circular as primeiras patacas. Em 1954 realizou-se o Primeiro Grande Prémio de Macau.

 

Em 1967, Portugal renunciou à sua ocupação perpétua sobre Macau e reconheceu o poder e o controlo dos chineses sobre Macau, marcando o princípio do fim do período colonial desta cidade.

 

Em 1981 criou-se a Universidade de Macau. Em 1993 foi aprovada e promulgada (por Portugal e China) a Lei Básica da Região Administrativa Especial de Macau. Em 1995 inaugurou-se o Aeroporto Internacional de Macau. Em 1998, criou-se a Escola Portuguesa de Macau, com o objectivo de ser a herdeira de várias instituições de ensino de língua portuguesa existentes em Macau.

 

No final de 1999, transferiu-se a soberania de Macau para a República Popular da China.

 

Como sabemos, Macau é conhecida pelos seus casinos. Deixo algumas fotografias do Casino Lisboa e do Grand Lisboa (que tem forma de lótus).  

100_1101.JPG

 

DSC_0303.jpg

 

IMAG0608.jpg

 

IMAG0610.jpg

 

IMAG0626.jpg

 

Nas próximas imagens está muito clara a influência da cultura portuguesa no território, bem presente nos edifícios históricos e na típica calçada. Lindo não é?

100_1103.JPG

 

100_1107.JPG

 

100_1108.JPG

 

100_1109.JPG

 

100_1110.JPG

 

A Igreja de São Domingos

100_1112.JPG

 

Estes pastéis de nata são vendidos como sendo os "verdadeiros pastéis de nata portugueses". Ora esta é a maior mentira que já presenciei na vida. Depois de vários dias a comer comida oriental, isto foi um regalo para os olhos. Só para os olhos, mesmo. Porque o sabor, nem sei como descrever!!! Mas não tem nada a ver com os nossos deliciosos pastéis de nata!

100_1114.JPG

 

Outras vistas das ruínas de São Paulo.

100_1115.JPG

 

100_1116.JPG

 

100_1120.JPG

 

100_1127.JPG

 

Museu de Macau

100_1135.JPG

 

Dentro do espaço da Fortaleza do Monte

100_1136.JPG

 

Imagens dos bairros típicos de Macau

100_1137.JPG

 

100_1140.JPG

 

100_1141.JPG

 

100_1142.JPG

 

100_1143.JPG

 

Em todos os sinais informativos, o português é sempre a segunda língua!

DSC_0300.jpg

 

Portas do Cerco

IMAG0628.jpg

 

#MochilaVermelhaBlog

#China

#Macau

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.